O Adeus a Zaha Hadid, A Grande Dama da Arquitetura

Leave a Comment

A arquitetura é um dos segmentos profissionais que durante muitos séculos foi de domínio quase absoluto dos homens. Mesmo tendo hoje muitas mulheres atuando como profissionais de arquitetura, não podemos dizer que essas dificuldades ficaram totalmente no passado. 


A iraquiana Zaha Hadid, escreveu seu nome na história da arquitetura com formas orgânicas, muito talento e muita ousadia. Pioneira, foi a primeira mulher a receber os prêmios Pritzker de Arquitetura (2004) e a medalha de ouro do Royal Institute of British Architects (2015). 


Tornou-se a arquiteta mais famosa do mundo, requisitada por revistas de todos os gêneros, referência absoluta no universo do design e do luxo, amiga de personalidades como o estilista Karl Largefeld e poderosos empresários e políticos. Zaha foi uma verdadeira diva que, como tal, também gerou muitas polêmicas.


Nascida em Bagdá, graduou-se em matemática pela Universidade Americana de Beirute e posteriormente mudou-se para Londres para estudar na Architectural Association, onde veio a lecionar nos anos 80.


Grande parte de sua obra é conceitual e muitos de seus projetos não foram realizados, pelo altíssimo custo e grau de complexidade. Mas além de edifícios emblemáticos, Zaha Hadid projetou barcos de luxo, interiores, peças de mobiliário, jóias e moda. Muitos de seus casacos e vestidos foram desenhados por ela mesma e em 2008 aceitou o convite para desenhar um modelo da sandália Melissa.


Zaha Hadid estava internada para tratar de uma bronquite em hospital de Miami, USA, e morreu em decorrência de um ataque cardíaco em 31 de março.











R.I.P. Zaha Hadid (1950-2016)

0 comentários:

Postar um comentário

Labels