18.36.54 House, do Daniel Libeskind

Leave a Comment

Em meio às pastagens nos arreores de Connecticut, uma casa se destaca e ao mesmo tempo se funde à paisagem. A 18.36.54 House, do arquiteto Daniel Libeskind, é um projeto ousado mas perfeitamente integrado ao meio ambiente.


A casa segue rígios padrões matemáticos em todo o projeto. O nome 18.36.54 deriva do fato de que a forma geométrica única da casa é composta de 18 planos, 36 pontos e 54 linhas. Talvez este padrão seqüencial é o que sua arquitetura em algo tão esteticamente agradável. 





Os proprietários são duas pessoas envolvidas no mundo das artes e, desafiadoramente, exigiram que Libeskind fosse ao extremo em sua criação. "E eu suponho que eles conseguiram o que queruam", conclui o arquiteto que tem os ousados ângulos como uma característica em seu trabalho. 







O exterior revestido em aço inoxidável bronze com um acabamento espelhado, contrasta e combina com o carvalho escuro manchado e orgânico dos espaços interiores. Segundo o arquiteto, "a 18.36.54 House é uma experiência que nunca é vivida da mesma forma duas vezes. Seu brilho reflexivo acentua e exagera as mudanças ambientais como clima, a luz e as mudanças de estações a sua volta."




O interior de plano aberto é um espaço que flui continuamente e até mesmo o chuveiro e banheira podem ser encontrados em um mero nicho formado por uma dobra de paredes. Libeskind fez uso apenas de pequenas variações de altura no piso de concreto para criar espaços distintos, sem ter que recorrer a dividi-los fisicamente.




A 18.36.54 House é uma obra de arte habitável. Para ser contemplada por todos os ângulos, por dentro e por fora.








Arquiteto: Daniel Libeskind
Fotografia: Nikolas Koenig e Marc Lins Fotografia
 

Fonte: http://homeli.co.uk/





0 comentários:

Postar um comentário

Labels